Com a saída do Reino Unido da União Européia se aproximando, o clima é de incerteza para todos os lados.

Até agora nada foi resolvido e pouco sabemos o que realmente acontecerá depois de 29 de março de 2019 – até o momento, esta é a data da oficial da saída.

Mas pelo menos a situação do turista brasileiro que visita o Reino Unido provavelmente ficará estável.

Vamos aos detalhes.

UNIÃO EUROPÉIA & BREXIT

A União Européia, é um grupo formado por 28 países europeus que praticam o livre comércio entre si e que facilitam o trânsito de seus nacionais para trabalhar e morar em qualquer país membro.

O Reino Unido se tornou parte da União Européia em 1973.

Brexit – junção das palavras British + Exit – é o termo para a saída do Reino Unido da União Européia.

No dia 23 de junho de 2016, os britânicos votaram em um referendo marcado por controversas se deixaram ou permaneceriam no bloco de livre comércio.

O resultado foi 52% votaram para sair e 48% para ficar.

O QUE MUDA PARA O TURISTA BRASILEIRO?

Por enquanto nada.

Infelizmente, como ainda existe muita incerteza no processo de saída, pode ser que sejamos surpreendidos a qualquer momento, mas tudo indica que isto é pouco provável que aconteça, pelo menos a curto prazo.

Um dos principais pontos de que nada deve mudar para o turista brasileiro que visita Londres, é que o Reino Unido nunca aderiu a uma outra política que unificava a Europa, o Tratado de Schengen.

Ou seja, as regras para os turistas brasileiros sempre foram diferentes para quem visitava o país como turista.

No Reino Unido, o visto do turista brasileiro sempre foi concedido na chegada ao país e o visto é decidido caso a cado, podendo variar de alguns dias a até 6 meses.

Clique aqui para saber mais sobre a entrada no Reino Unido como turista.