A história do metrô de Londres | Londonices: Dicas de Londres

Conhecido como London Underground ou Tube, para os locais, o metrô de Londres é o transporte público mais utilizado da cidade. Sem contar que é super prático, rápido e que todo mundo usa.

Inaugurado em 10 de janeiro de 1863, entre Paddington e Farringdon, este foi o primeiro metrô do mundo.

Na época os trens usados eram movidos à carvão, ou seja, faziam muita fumaça.

Em 1869, o primeiro trem a fumaça atravessou o canal do rio Tâmisa, este foi o primeiro túnel construído embaixo de um rio. Como não havia ventilação para fumaça sair, não era uma coisa muito agradável para os motoristas e passageiros.

Com a chegada dos trilhos elétricos, em 1890, foi possível dar início ao processo de expansão do metrô, já que não precisariam se preocupar mais com a ventilação para a fumaça.

Os trilhos elétricos também permitiram que os túneis fossem mais profundos e até mesmo construídos um por cima do outro – em níveis.

O resultado desta expansão é que hoje temos metrô por todos os cantos de Londres. Uma maravilha!

A história do metrô de Londres | Londonices: Dicas de Londres

Outro ponto bem pensado sobre o metrô londrino é que – diferentemente de Nova York – as linhas sempre acabam se conectando em algum ponto. Então, em qualquer estação que você entre, te leva para outra, não importa em qual linha esteja.

Claro que você precisará trocar de linha, metrô… Mas é possível se conectar ao metrô inteiro sem precisar sair do sistema.

A história do metrô de Londres | Londonices: Dicas de Londres

De lá para cá, muita coisa mudou. Mas uma coisa é certa, o metrô continua fazendo parte da vida de Londres mais do que nunca e é responsável por grandes ícones da capital inglesa como o mind the gap, no chão das estações, ou mesmo o famoso símbolo vermelho, cortado pela faixa azul, o símbolo deste transporte público.

A história do metrô de Londres | Londonices: Dicas de Londres

METRÔ HOJE

Atualmente o metrô de Londres conta com 270 estações, sem contar as de trem e overground e 11 linhas.

Mais de 1.3 bilhão de pessoas usam o metrô por ano.

O marco de 1 bilhão de usuários foi batido em 2007 e desde então continua crescendo.

CURIOSIDADES

A história do metrô de Londres | Londonices: Dicas de Londres

Aqui vão 3 curiosidades sobre o metrô de Londres:

 

1. SUBTERRÂNEO MESMO?

Apesar de levar o nome Underground – Subterrâneo, em tradução literal – apensas 45% dos trens são realmente subterrâneos. A maioria do sistema de metrô é por cima mesmo.

 

2. MUNDO MODERNO

1908 foi um ano importante para o metrô de Londres.

Este foi o ano que o nome Underground apareceu pela primeira vez nas estações. Também foi o ano que o famoso círculo vermelho, usado até hoje, foi apresentado. E foi o ano que a primeira máquina de bilhete elétrica instalada.

A primeira escada rolante de Londres, foi instalada na estação Earl’s Court, em 1911.

As portas automáticas dos vagões existem desde 1929.

 

3. OUTROS USOS

Nem sempre o metrô de Londres foi utilizado para transporte.

Durante a Segunda Guerra Mundial, a maioria das estações eram usadas como abrigos. As pessoas passavam diversas noites dormindo nas plataformas para escaparem das bombas que caiam do céu sob Londres.

Algumas estações também foram fechadas foram fechadas para abrigar itens valiosos dos museus da cidade.

MAPA DO METRÔ

Assim como o próprio sistema de transporte, o mapa do metrô virou um ícone de Londres.

Na verdade, o mapa não reflete exatamente a geografia da cidade, é mais um diagram, mas é claro, codificado por cores e de fácil visualização.

Mas, claro, que até chegar no mapa que conhecemos hoje, muita coisa aconteceu.

O primeiro mapa é de 1908 e apesar de ser fiel a geografia da cidade, era uma bagunça e nada prático.

A história do metrô de Londres | Londonices: Dicas de Londres

Em 1929, Fred Stingemore deu uma melhorada no mapa do metrô arrumando o espaçamento entre as estações e lançando mão de uma certa liberdade artística em relação as rotas de diversas linhas.

O resultado final foi uma mapa não tão fiel a geografia de Londres, mas que permitiu que mais estações fossem incluídas e mais limpo que o primeiro.

A história do metrô de Londres | Londonices: Dicas de Londres

Mas em 1931, Harry Beck criou a base do mapa que conhecemos hoje. Claro que com o tempo várias mudanças foram feitas, mas claramente conseguimos ver o embrião do mapa moderno no desenho de Beck.

A história do metrô de Londres | Londonices: Dicas de Londres

Harry Beck desenvolveu o mapa como um hobby e foi encorajado por amigos a apresentar a ideia para o metrô de Londres que, claro, recusou.

Como persistência é tudo, no ano seguinte, ele novamente apresentou a ideia que acabou sendo comprada por £10,00 e começou a ser utilizado em 1933.

Por uma questão de impressão, algumas alterações tiveram que ser feitas, mas como podemos ver, é bem parecido.

A história do metrô de Londres | Londonices: Dicas de Londres

Daqueles tempos para hoje, várias alterações foram feitas, mas sempre seguindo o sistema sugerido por Harry Beck. Bem verdade que nem todas mudanças agradaram o criador, mas seu conceito original sempre esteve lá.

O mapa como conhecemos hoje é de 1999 e apresenta todas as 270 estações de metrô, mais as 112 estações de overground, bem como as 45 estações DLR – trem.

A história do metrô de Londres | Londonices: Dicas de Londres

Para mais informações, visite o site do metrô www.tfl.gov.uk.

Para saber como usar o metrô em Londres, clique aqui.


DEIXE SUA VIAGEM A LONDRES POR NOSSA CONTA

Nós planejamos sua viagem a Londres, exatamente como você quer.

Quer saber mais? Clique aqui e conheça nosso serviço de Roteiros Personalizados.

Ou se preferir, clique no botão abaixo e marque já sua consulta gratuita com um dos nossos especialistas.

Privacy Preference Center